Gleisi Hoffmann diz que eleição sem Lula é “agressão” e afirma que Lei da Ficha Limpa não atinge o ex-presidente preso

Gleisi Hoffmann falou à imprensa em Contagem, no enésimo “lançamento da pré-candidatura de Lula”, e disse que será uma “agressão” e uma “brutalidade” caso o TSE não deixe o presidiário disputar a eleição.

“Se o TSE avaliar que não pode, seria uma brutalidade, uma agressão com o presidente, porque nós estamos com recursos bem fundamentados em instâncias superiores e teria que ser feita a candidatura”, declarou a presidente do PT.

Gleisi alegou ainda que a Lei da Ficha Limpa não é impeditiva no caso de Lula. Não é o que pensa a presidente do Supremo.

Esta entrada foi publicada em Política. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *