Gasolina nas refinarias aumenta 2,42% só nos últimos três dias

Para quem pagava R$ 3,89 o litro de gasolina em muitos postos de Natal, é uma notícia bem desanimadora, reconhece Antônio Sales, presidente do Sindipostos do RN

As altas seguidas nos preços da gasolina preocupam consumidores e donos de postos

Só nos últimos três dias, entre 12 e 15 de março, segundo o Sindipostos do RN, o aumento do preço da gasolina para as refinarias foi de 2,42%.

Do começo do mês até agora, essa alta já é de 6,66% e entre os dias 1º de janeiro até esta sexta-feira, 15, o aumento é de 20,52%.

“Para quem pagava no começo deste mês R$ 3,89 o litro de gasolina em muitos postos de Natal, é uma notícia bem desanimadora”, reconhece Antônio Sales, presidente do Sindipostos.

Segundo Sales, muitos empresários, inclusive ele, chegaram a acreditar numa possível desindexação dos valores internacionais do barril de petróleo do combustível entregue nas refinarias, “mas infelizmente isso não aconteceu”.

Ainda de acordo com ele, agora é ver como os postos de combustíveis irão repassar esses valores, já que eles têm a liberdade de marcar o dia e a hora de fazer isso, de acordo com a realidade de cada revenda.

“Mas, acreditem, essas altas consecutivas não são nada boas para os empresários do segmento”, acentuou.

Dia do Consumidor

Nesta sexta-feira, 15, Dia do Consumidor, a Agência Nacional do Petróleo (ANP) realiza ações em postos de combustíveis de Natal e de Parnamirim.

Receberão a iniciativa o Posto 30 de Setembro, em frente à Arena das Dunas, a partir das 9h, e, a partir das 15h, no Posto Pinheiro Borges, na avenida Getúlio Vargas, 1010, Monte Castelo, Parnamirim

Os técnicos do órgão regulador irão distribuir material e dar orientações sobre o mercado de combustíveis, a composição dos preços e o acompanhamento da sua variação no mercado, além de explicar com detalhes todos os direitos que o consumidor tem especificamente neste segmento. (Agora RN)

Acompanhe o Blog Japi na Web pelo Facebook Aqui

Esta entrada foi publicada em Economia. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *