Fátima quer pagar folha “fatiada”; atraso não tem data

Sindicalistas saíram irritados com a falta de perspectiva de recebimento de atrasados (Foto: cedida)

Reunião entre componentes do Fórum Estadual dos Servidores e porta-vozes do Governo Fátima Bezerra (PT) à manhã de hoje (segunda-feira, 7), na Governadoria, não chegou a bom termo. Fez lembrar, em muito, a relação conflituosa que existiu com o ex-Governo Robinson Faria (PSD).

A gestão petista não tem qualquer previsão de atualização salarial herdada da administração passada. Sindicalistas saíram aborrecidos.

A promessa do governo é para pagar o mês de janeiro dentro do mês, de forma “fatiada”, nos dias 10 (30%) e 30 (70%) para todos os servidores. Em fevereiro, a proposta é que desembolso aconteça nos dias 11 (30%) e 28 (70%).

A compromisso vago é de que adiante (sem previsão) possa ir pagando os débitos passados conforme fluxo de caixa.

O governo estadual deve os salários de novembro para quem ganha acima de R$ 5 mil, dezembro e 13º para todos os servidores, além de uma parte do 13º de 2017.

O atrasado salarial aproxima-se de R$ 1 bilhão. (Blog do Carlos Santos)

Acompanhe o Blog Japi na Web pelo Facebook Aqui

Esta entrada foi publicada em Administração publica. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *