Amanda Nunes fatura US$ 550 mil e lidera pagamentos do UFC 239

Campeã dupla do UFC, Amanda Nunes faturou, ao todo, 550 mil dólares; confira todos os pagamentos e também as suspensões médicas do UFC 239, realizado no último sábado (6)

Amanda Nunes brilhou em vitória sobre Holm e faturou 550 mil dólares no UFC 239 (Foto: Getty Images/UFC)

Realizado no último sábado (6), em Las Vegas (EUA), o UFC 239 contou com grandes estrelas do MMA em ação e isso foi revertido nas bolsas pagas aos atletas. Campeã dupla da organização e um dos destaques do evento ao nocautear Holly Holm ainda no primeiro roumd, Amanda Nunes liderou a lista de pagamentos e, ao todo, faturou 550 mil dólares.

Vitorioso contra Thiago Marreta na luta principal, o campeão meio-pesado Jon Jones recebeu uma taxa fixa de 500 mil dólares. Ou seja, o valor já estava garantido, independentemente do resultado do confronto. Enquanto isso, o brasileiro levou 350 mil dólares, também em taxa fixa, assim como Holm, que anotou a quantia de US$ 300 mil.

Veja as bolsas de cada atleta no UFC 239:

-Amanda Nunes: US$ 550.000 – US$ 300.000 pela luta, US$ 200.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
-Jon Jones: US$ 500.000 (taxa fixa)
-Thiago Marreta: US$ 350.000 (taxa fixa)
-Holly Holm: US$ 300.000 (taxa fixa)

-Jorge Masvidal: US$ 250.000 – US$ 100.000 pela luta, US$ 100.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
-Ben Askren: US$ 210.000

-Jan Blachowicz: US$ 142.000 – US$ 46.000 pela luta, US$ 46.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
-Luke Rockhold: US$ 200.000
-Michael Chiesa: US$ 104.000 – US$ 52.000 pela luta e US$ 52.000 pela vitória

-Diego Sanchez: US$ 103.000
-Arnold Allen: US$ 64.000 – US$ 32.000 pela luta e US$ 32.000 pela vitória
-Gilbert Melendez: US$ 200.000
-Marlon Vera: US$ 96.000 – US$ 48.000 pela luta e US$ 48.000 pela vitória
-Nohelin Hernandez: US$ 12.000
-Claudinha Gadelha: US$ 102.000 – US$ 52.000 pela luta e US$ 52.000 pela vitória
-Randa Markos: US$ 30.000

-Song Yadong: US$ 140.000 – US$ 45.000 pela luta, US$ 45.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
-Alejandro Perez: US$ 42.000
-Edmen Shahbazyan: US$ 32.000 – US$ 16.000 pela luta e US$ 16.000 pela vitória
-Jack Marshman: US$ 30.000
-Chance Rencountre: US$ 28.000 – US$ 14.000 pela luta e US$ 14.000 pela vitória
-Ismail Naurdiev: US$ 14.000
-Julia Avila: US$ 20.000
-Pannie Kianzad: US$ 12.000

Suspensões médicas

Após a realização do UFC 239, como já é de praxe, a Comissão divulgou as suspensões médicas dos lutadores que estiveram em ação no card. Destes, destacam-se os “ganchos” recebidos por Jon Jones, Thiago Marreta e Luke Rockhold, assim como Claudinha Gadelha.

Vencedor na luta principal, Jones precisará passar por uma radiografia no pé esquerdo e, caso não tenha a liberação de um ortopedista, receberá suspensão médica até o dia 3 de janeiro de 2020. Quem recebeu o mesmo prazo foi Marreta, que lesionou o joelho esquerdo no duelo contra “Bones”, já vinha de cirurgia no direito e precisará de um longo tempo de recuperação. Por fim, Rockhold, nocauteado por Jan Blachowicz na edição, sofreu uma fratura na mandíbula esquerda e deverá passar por uma cirurgia oral e maxilofacial.

Confira as suspensões médicas do UFC 239:

Jon Jones: Deve ter o pé esquerdo radiografado. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20. Suspensão mínima até 21/08/19, sem contato até 06/08/19

Thiago Marreta: Deve ter a mão esquerda radiografada e a ressonância magnética do joelho esquerdo. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até o dia 03/01/20. Suspensão mínima até 06/08/19, sem contato até 28/07/19
Holly Holm: Suspensa até 05/09/19, sem contato até 21/08/19
Ben Askren: Suspenso até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

Luke Rockhold: Deve ter cirurgia oral e maxilofacial, com autorização de um médico para fratura de mandíbula esquerda ou nenhuma luta até 03/01/20. Suspensão mínima até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

Michael Chiesa: Deve ter a mão esquerda radiografada. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20
Diego Sanchez: Suspenso até 06/08/19, sem contato até 28/07/1
Gilbert Melendez: Suspenso até 21/8/19, sem contato até 06/08/19
Marlon Vera: Suspenso até 06/08/19, sem contato até 28/07/19

Claudinha Gadelha: Deve ter a mão direita radiografada. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20

Randa Markos: Deve ter a mão esquerda radiografada. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20

Song Yadong: Deve ter o pé direito radiografado e ressonância magnética do joelho esquerdo. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20. Suspensão mínima até 06/08/19, sem contato até 28/07/19
Alejandro Perez: Suspenso até 05/09/19, sem contato até 21/08/19
Jack Marshman: Suspenso até 21/07/19, sem contato até 14/07/19
Julia Avila: Suspensa até 21/8/19, sem contato até 06/08/19 devido a corte acima do olho direito
Pannie Kianzad: Suspenso até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

(Terra)

carto_bem_estarAcompanhe o blog Japi na web pelo fecebookinstagram

Esta entrada foi publicada em Esporte. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *