ABC vence o América por 3 a 0 e fica em boa situação para chegar na final do turno

Foto: Andrei Torres/ABC

Missão dada, missão cumprida. O ABC entrou em campo para realizar o primeiro clássico da temporada diante do América, no Frasqueirão, necessitando vencer para se recuperar da derrota sofrida para o Palmeira na segunda rodada do Estadual e melhorar suas chances de ir a final da Copa Cidade do Natal. E o time alvinegro não titubeou, bateu o rival por 3 a 0, superou na classificação e se mantém colado no Potiguar, que lidera o turno. Os gols foram de Éder, Xavier e Rodrigo Rodrigues.

A bola começou a rolar com as duas equipes sabendo bem os papéis que tinham de cumprir dentro de campo, o América procurando dar um ritmo mais cadenciado, enquanto o ABC se lançou em busca do gol e em cinco minutos, criou duas boas chances, numa delas, após cruzamento em busca de Rodrigo Rodrigues, o zagueiro Alison se antecipou, cortou e deixou o goleiro Gledson em apuros, mas ele conseguiu evitar o gol contra do capitão alvirrubro.

Com maior volume de jogo e o adversário tendo dificuldade em armar suas jogadas, os donos da casa levaram apenas 11 minutos para abrir o placar com o atacante Éder, após cruzamento de Ivan pela direita.
O América quase devolveu o gol sofrido de forma relâmpago, na primeira boa trama ofensiva, Adriano Pardal recebeu um belo passe de Hiltinho e contou com uma falha incrível de Edson para mandar a bola para o fundo da rede, só que para sorte do goleiro abecedista, o árbitro anulou a jogada, marcando impedimento.

Na busca de tirar o prejuízo do placar, os americanos equilibraram a situação dentro de campo, encaixaram melhor a marcação aos adversários e pararam de sofrer sustos seguidos. O Alvirrubro passou a ter mais presença no campo ofensivo, mas apenas rondava a área com algum perigo.

O ABC que passou a ter dificuldade em achar brechas na área americana, voltou a assustar numa falta cobrada por Jonathan, da direita, que obrigou a Gledson realizar outra boa defesa e mostrar por que a diretoria trabalhou tanto nos bastidores para garantir sua escalação no clássico.

O América após um ataque puxado em velocidade por Hiltinho, chegou com perigo, Maurício cortou o lance, mas ao invés de isolar a bola tentou sair jogando e entregou a bola no pé de Max, que antes de chutar foi derrubado por Guedes, na entrada da área, na cobrança, Vinícius desperdiçou a boa chance, cobrando a falta por cima do gol.

Embora movimentada, a partida ainda deixava a deseja em termos de qualidade técnica, as duas equipes ainda demonstravam carência no a erro do passe e desperdiçavam boas chances, justamente devido a falta de capricho neste item. As equipes passaram a clara impressão de que ainda têm muito a evoluir, mas individualmente mostraram alguns jogadores promissores, como o habilidoso Hiltinho, pelo americano, além de Éder, Jonathan e Neto pelo Alvinegro.

A equipe americana iniciou a etapa final, tentando se manter mais no ataque, insistindo pelo lado esquerdo com Adriano Pardal, que cruzou algumas bolas para área, o problema era que com Max jogando mais recuado, as bolas geralmente cruzavam na frente do gol e ninguém aparecia para aproveitar.

Aos poucos o ABC foi retomando o ataque, e Xavier que havia desperdiçado uma boa chance no primeiro tempo, acertou um balaço da intermediária para mandar no ângulo do goleiro Gledson e fazer o segundo gol abecedista, aos 13 minutos.

Vendo o tamanho do prejuízo aumentar, Luizinho Lopes fez duas alterações, mas foi surpreendido com uma boa jogada de Rodrigo Rodrigues que marcou o terceiro após uma bela jogada individual. Logo depois da saída de bola Jean Patrick sofreu pênalti e Max desperdiçou cobrando no travessão, depois ele pegou a sobra, cabeceou e Edson fez grande defesa.

Mesmo em vantagem, o Alvinegro não perdeu a fome de gol e após a cobrança de um escanteio, quase chegou ao quarto gol. Na primeira bola Gledson viu a bola cabeceada por Mauricio explodir no travessão, depois foi arrojado para mergulhar aos pés de Pedra e na sequência de Rodrigo Rodrigues para evitar o gol.

Em termos intensivos o América não produzia, tanto que mesmo depois de roubar uma bola de Henrique na entrada da área, e ficar na cara de Edson, Hiltinho concluiu mal, desperdiçando a segunda boa oportunidade americana em todo clássico.

Depois disso, o ABC se ajustou para não sofrer mais sustos e poupar os atletas diminuindo ainda mais o ritmo de jogo, fazendo apenas o tempo passar.

No outro jogo da rodada, o Globo venceu o Força e Luz, no estádio Barretão, por 3 a 0.

(Tribuna do Norte)

Acompanhe o Blog Japi na Web pelo Facebook Aqui

Esta entrada foi publicada em Esporte. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *